Páginas

Roteiro História da Iam


Iam: Tudo começou assim


Ambiente:
·         Mesa com livros e cadeira
·         Cartas / Envelopes
·         Envelope grande escrito missionários da china, com a foto dentro
·         Roupas para caracterização
·         Uma foto de criança passando fome na china
·         Opcional: Vaso com plantas
·         Placa escrito Praça
Personagens:
·         Dom Carlos: ________________

·         Paulina Gericot:______________

·         Carteiro:______________

·         Crianças:_____________,______________,_______________,______________                                                                                   .              _____________,______________,_______________,______________


 Encenação

Dom Carlos sentado na cadeira atrás da mesa. Alguém bate na porta.

Dom Carlos: Pode entrar

Entra o carteiro

Carteiro: Carta dos missionários da China (mostra um envelope bem grande escrito, dos missionários da China, para Dom Carlos e sai).

Dom Carlos Mais uma! (Pega o envelope e tira a foto) eles precisam de muita ajuda com as crianças. (Guarda a foto e junta com os outros envelopes levanta da escrivaninha e começa a andar em circulo) Meu Deus! Tantas cartas pedindo ajuda, tantos missionários, tantas crianças com fome, sem pai, sem mãe, sem ninguém, sem casa... Não sei o que fazer (Coça a cabeça preocupado) Preciso de ajuda (Para de andar e olha para platéia, levanta a mão) Já sei! Vou falar com Paulina Gericot. (grita) PAULINA.

(Entra Paulina Gericot cumprimenta Dom Carlos)

Paulina: Me chamou Dom Carlos?

Dom Carlos: Sim preciso de sua ajuda. Veja quantas cartas (meche no monte de cartas) todas  dos  missionários que estão na China, pedindo ajuda. As crianças estão sendo largadas, sozinhas. Eles estão ajudando mas não tem mais dinheiro para comida...

 Paulina: Mas eu não sei como posso ajudar... As Mulheres da minha fábrica já doam tudo que podem para ajudar estas crianças.

Dom Carlos: Eu já pensei em algo. Convide todas as crianças para irem na praça preciso falar com elas

(Fecha a cortina,  retira a mesa e os livros, coloca as plantas, enquanto o narrador fala)

Narrador: Paulina bateu de porta em porta. E chamou todas as crianças. E elas curiosas vieram saber o que tanto o Bispo Dom Carlos queria falar com elas

(Abre as cortinas: Paulina está com as crianças na Praça)

Criança 1 ____________:  Cadê o ele?

Paulina: Calma ele já está chegando

(Entra Dom Carlos e diz)

Dom Carlos: Eu recebo muitas cartas. Nestas cartas os missionários que estão lá na China contam que tem muitas crianças sozinhas, sem papai, sem mamãe, sem tio, tia ou avó

Paulina: Elas precisam muito de ajuda. Elas não tem onde morar, nem o que comer.

Dom Carlos: Eu queria muito ajudar, mas eu não consigo sozinho. Vocês podem me ajudar?

Criança 2 ____________: Mas como iremos ajudar? Moramos na França, e a China é muito longe.

Dom Carlos: Vocês irão ajudar rezando uma Ave Maria por dia e doando uma moedinha por mês, que será enviada pra eles

(As crianças conversam entre si será? Ah não sei... O que você acha?))

Criança 3_____________: Mas eu não sei rezar

Criança 4 ____________: Eu te ensino.

Criança 5 ____________: A moeda é só pedir pro meu pai.

Crianças 1 ___________: Não nós que temos que ajudar...

Criança 6 ___________: Mas nós não trabalhamos, não temos dinheiro..

Criança 2 ___________: É só separarmos uma moeda em vez de comprar um doce

Criança 4 ___________: Ou um brinquedo...

Todas as crianças: Isso. Nós topamos

(Fecha se a cortina, todos se arrumam em fileira)

Narrador: Isto aconteceu em maio a 169 anos. Quando começou a Infância com a benção do 
Papa. Hoje estamos em mais de 130 países e ajudamos as crianças do mundo inteiro.

(Abre a cortina, todos de mão dadas)

Narrador: Pontifícias Obras da Infância e Adolescência Missionária

Todos: Criança e Adolescentes que ajudam e evangelizam Crianças e Adolescentes (Gritam) IAM
(toca o cd da IAM, Somos Crianças da Infância Missionária)


        Fim


Nenhum comentário:

Postar um comentário